quinta-feira, 19 de maio de 2011

DE OLHO NA MAMOGRAFIA




Tem coisas super chatas que precisamos enfrentar sem pestanejar, e uma delas que vale a postagem, é a realização da mamografia, que nada mais é do que um exame de raios X em alta definição. Para realizar este exame é necessário fazer a compressão das mamas a fim de visualizar o tecido mamário fazendo a distinção de lesões .
Pois é queridas seguidoras, no meu caso, precisei fazer a tal compressão, seis vezes em uma só mama! Olhei para técnica e rir sem graça da minha situação e disse : acho que é melhor ter peitos grandes, para você arrastar de um lado para o outro, na plataforma da máquina . Fiquei com pena das despeitadas, pelo menos as gordinhas estão levando vantagem neste quesito!
O diagnostico precoce do câncer de mama possibilita o tratamento, e define logo o tratamento, portanto se você já tem a idade acima de 35 anos, sua hora é agora! Porque o rastreamento diferencia de mulher para mulher, por exemplo, para quem tem mães que já teve câncer de mama, deve começar a fazer este exame com 10 anos antes da ascendente ter apresentando a doença, ou seja, se o câncer surgiu aos 40 anos, a filha deve fazer sua primeira mamografia aos 30 anos!
O caso é ter atitude, ficar só na preocupação não vale, pois esta conduta é igual a cadeira de balanço, te movimenta de um lado a outro e não sai do lugar! Se nunca foi ao ginecologista, precisa ir, se já foi , parabéns, pois é o profissional habilitado a fazer o exame clinico, orientar quanto a auto exame e estabelecer as estratégias para detecção precoce.
É bom salientar que existem os fatores predisponentes , que são considerados fatores de alto risco, como história de câncer na família. Outro detalhe importante é que nem todo nódulo palpado é câncer, mas precisam ser tratados e monitorados.
Se depois de tanta explicação e ainda está com medo ou decidiu colocar silicone, para ficar com mamas densas, e ai não poderá apertá-las, só te restará a ultrassonografia ! E torcer para que nunca tenha nadas em suas mamas!
Portanto, faça a sua hora e conte como foi a sua mamografia, já ia esquecendo, tanta repetição no meu tecido mamário foi por conta das incidências dos raios, da vez anterior que confundiu o profissional na hora de elucidar o diagnóstico.

Como estamos usando símbolo para quase todas as campanhas, as mobilizações são feitas com as pessoas usando um laço cor de rosa,na roupa, igual a esta da foto aí postada!

2 comentários:

  1. OLÁ
    EXCELENTE EXPLICAÇÃO E ORIENTAÇÃO QUANTO A NECESSIDADE DE REALIZAR UM EXAME SIMPLES, INDOLOR E QUE MUITAS MULHERES POR DESCONHECER, MEDO, VEERGONHA E OUTROS FATORES DEIXAM DE FAZER.
    GOSTEI MUITO TB DO RELATO DE SUA EXPERIENCIA PQ SERVE DE TESTEMUNHO E ESTÍMULO PARA TANTAS OUTRAS.

    ResponderExcluir
  2. Adorei o seu texto, explicativo.

    ResponderExcluir